Mathema Mathema

Como se tornar um bom professor de matemática?

Por Escrito em: 30/07/2021
Compartilhe nas suas redes: [addtoany]

Como se tornar um bom professor de Matemática? A maioria dos pesquisadores e autoridades educacionais entendem que um bom professor é aquele que zela pela aprendizagem dos estudantes, fazendo com que ela realmente ocorra de fato e aumente com o passar do tempo. Embora não haja um consenso dessa perspetiva, este é um forte indício daquilo que se espera da função docente.

Neste artigo, vamos apresentar a você algumas dicas muito importantes para você, professor de matemática, aprimorar cada vez mais a qualidade do ensino de suas aulas. Todas elas foram baseadas na pesquisa “Boas Práticas Docentes no Ensino da Matemática”, desenvolvida pela área de Estudos e Pesquisas Educacionais da Fundação Victor Civita em parceria com a Fundação Cesgranrio. Continue a leitura e confira!

Aprofunde seus conhecimentos sobre o tema a ser desenvolvido

Dessa maneira, é possível transmitir mais segurança nas afirmações que serão realizadas e prever conexões não tão aparentes às propostas que podem surgir dos próprios estudantes. Além disso, suas intervenções serão mais assertivas e você conseguirá ajudar ainda mais eles a progredirem em suas aprendizagens.

Tenha aulas bem planejadas

É bem verdade que nem sempre tudo ocorre da maneira que pensamos, mas com uma aula bem estruturada é possível se adaptar às diferentes necessidades de cada turma. Planejamento é uma premissa básica de uma aula de qualidade. Dessa forma, é possível determinar o se espera que os estudantes aprendam e qual a finalidade de cada etapa da atividade programada.

Por exemplo, ao ser identificada uma lacuna/dificuldade de aprendizagem, o conteúdo a ser desenvolvido pode sofrer adaptações para retomar conceitos já trabalhados anteriormente. Dessa maneira, se otimiza o tempo e leva-se em conta a defasagem de aprendizagem observada.

Muitas vezes, é possível relacionar uma situação-problema à realidade dos estudantes. Isso torna a atividade mais factível e atribui um maior significado às ações pensadas pelos próprios estudantes.

Respeite o tempo de aprendizagem de cada estudante

Uma aula de qualidade deve proporcionar a participação dos estudantes e garantir o avanço de todos. Para isso, o professor deve respeitar o tempo de aprendizagem de cada um. Nesse momento, é importante que o docente permita que o estudante reflita sobre o desafio proposto e tente resolvê-lo, mesmo que eventuais erros possam acontecer. Permita que o grupo pense e compare seus raciocínios com os seus colegas.

Dessa forma, é possível fomentar as contribuições e debates em sala de aula, lançando mais questões envolvendo outros conceitos que possam surgir. Dessa maneira, a aula se torna um verdadeiro diálogo entre aquilo que os estudantes pensam e o conhecimento previsto pelo professor.

Assim, além dos estudantes se tornarem verdadeiros construtores de suas aprendizagens, ao mesmo tempo, o professor tem indícios suficientes para verificar a aprendizagem de cada um deles.

Faça bom uso do cálculo por estimativa

Quando falamos de estimativas, não nos referimos a chutes e nem mesmo à sorte. É importante que o estudante entenda que a Matemática não resume-se apenas em resultados exatos. Aliar os resultados obtidos pelas estimativas solicitando aos estudantes que justifiquem como pensaram para obtê-los desenvolve, simultaneamente, estratégias pessoais de cálculos e argumentação deles.

Ajude o estudante a construir seu próprio conhecimento

Ao propor situações a serem desenvolvidas pelos estudantes, deixe bem claro o que se espera deles. Esclarecer o objetivo da aula antes de iniciá-la ajuda a monitorar as aprendizagens individuais e verificar se o objetivo da aula foi realmente alcançado.

Invista em você

Apenas conhecer o conteúdo a ser trabalhado não é suficiente para fazer com que o estudante o aprenda. É fundamental entender como os conceitos matemáticos são desenvolvidos pela turma e quais recursos podem ser utilizados no processo para potencializar a aprendizagem de um assunto específico

Nesse sentido, investir em formação continuada é fundamental para que você possa planejar e desenvolver aulas mais engajadoras, potentes e atrativas aos estudantes.

O Mathema se dedica a pesquisar e desenvolver métodos para impactar a melhoria do ensino e, consequentemente, da aprendizagem em Matemática. Esse propósito tem como essência a valorização do professor, pois acreditamos na ideia de que é preciso aprender junto e ensinar de um jeito novo.

Toda Formação Mathema é pensada a partir de um conjunto de valores que são :

  • excelência;
  • criatividade;
  • confiabilidade;
  • inovação;
  • continuidade;
  • proximidade;
  • ética.

 

Por isso conseguimos desenvolver formações de qualidade e estamos em um caminho de construção permanente, remodelando e redesenhando as ações de formação de acordo com as demandas e especificidades de cada grupo de professores que busca as formações do Mathema.

 

Agora que já conhece a importância de investir em sua carreira saiba mais sobre a nossa formação continuada acessando nosso site e conhecendo os cursos disponíveis, as Trilhas de Crescimento e nossos Planos Anuais!

Conta pra gente: qual sua opinião sobre esse texto?

Todos os campos devem ser preenchidos.
Seu e-mail não será publicado.

s
X